O grupo PET Engenharias acaba de aprovar projeto de pesquisa e extensão

fapesb

 

O grupo PET Engenharias acaba de aprovar um projeto de pesquisa e extensão intitulado Sistema de aquecimento de água para fins residencias de baixo custo no edital FAPESB No 028/2013 – Apoio a Programas de Educação Tutorial – PET) no valor de R$19980,00.

O objetivo do projeto é comparar a eficiência um sistema de aquecimento convencional comercial por termossifão com outros dois sistemas alternativos de baixo a serem desenvolvidos pelo grupo PET.

Segundo o prof. Felizardo Rocha, tutor do grupo PET o sistema alternativo desenvolvido será replicado em uma comunidade rural do município e toda a estrutura implantada no IFBA será utilizada para a prática do ensino e extensão no campus. Esta é mais uma ação do PET para fortalecer o ensino de graduação no IFBA.

O projeto conta com a participação de todos os petianos, além de vários professores colaboradores, a saber: a professora Joseane Oliveira da Silva, o professor Wesley de Almeida Souto, a professora Silvana Garcia Viana, o professor Gislan Silveira Santos e o professor Carlos Amilton Silva Santos. Aos interessados em participar do projeto, favor entrar em contato com os integrantes do grupo PET.

O prof. Felizardo Rocha, tutor do grupo PET Engenharias, acaba de aprovar mais um projeto de pesquisa intitulado intitulado Tecnologias integradas para o monitoramento hidrossedimentológico e ambiental em bacias hidrográficas (edital FAPESB/SEMA No 002/2014 – Apoio à Formação e Articulação de Redes de Pesquisa Ambiental no Estado da Bahia), no valor de R$215.333,94.

O presente trabalho tem por objetivo o uso e desenvolvimento de tecnologias integradas para o monitoramento hidrossedimentológico e ambiental em bacias hidrográficas, empregando a ferramenta computacional (modelo de simulação SWAT2012/ SWAT CUP/ArcGis 10.1) na estimativa da potencial de geração de sedimentos nas bacias dos rios Verruga e Catolé, durante o período de dois anos, validando o modelo para as condições edafoclimáticas da bacia em estudo; bem como desenvolver um medidor de nível de água para pequenos rios e medidor de qualidade de água (sensor de turbidez e temperatura), visando à implantação de posto de monitoramento hidrossedimentológico nas bacias em estudo.

Esta pesquisa será conduzida com o apoio do grupo PET Engenharias, em consonância com os objetivos estabelecidos pelo Programa de Educação Tutorial do MEC, realizando atividades que contribuam para a elevação da qualidade da formação acadêmica dos alunos de graduação, estimulando o espírito crítico dos petianos, bem como a atuação profissional pautada pela cidadania e pela função social da educação superior.

IMG-20140911-WA0031
IMG-20140911-WA0031
« 1 de 9 »